Infográfico mostra os fatos reais por trás de American Horror Story

660 visualizações 0 comentários 09 Nov, 2016

Os muitos fãs de American Horror Story já devem estar familiares com algumas das histórias reais por trás de certas tramas da série, que foi muito bem inspirada terríveis acontecimentos no mundo real.

Para facilitar a busca frenética por cada detalhes já vistos nos episódios, o site PureCostumes.com resolveu prestar uma homenagem. Sua pesquisa foi compilada em um infográfico, apresentando aqui os principais eventos sombrios e perturbadores que, de fato, inspiraram o roteiro de American Horror Story.

Alguns dos fatos reais são trágicos e outros assustadores. No geral, são todos fascinantes e deram vida a alguns dos melhores aspectos da série. Na primeira temporada, por exemplo, temos que as mortes na casa foram inspirados pelos assassinatos cometidos por Richard Speck, em 1966, em Chicago. Com uma faca, ele invadiu um dormitório, estuprou e matou oito enfermeiras.

Outra inspiração medonha foi a casa do Dr. Oliver, na segunda temporada, cujos os objetos eram feitos de partes humanas. Ed Gein foi um assassino dos anos 50 que, depois de muitos anos, confessou ter matado duas mulheres cujos restos foram identificados em itens em sua casa, além de outros restos que ele teria retirado de covas em cemitérios.

Delphine LaLaurie foi uma socialite no início de 1800. Ela ficou conhecida por ter torturado e mutilado seus escravos em sua casa, que é considerada mal assombrada até hoje. Vemos essa mesma história na vida de Kathy Bates, na terceira temporada.

O Palhaço da quarta temporada também existiu na vida real, sendo identificado como o assassino John Wayne Gacy. Ele trabalhava como um palhaço profissional no final dos anos 70, e foi conhecido por estuprar e matar pelo menos 33 homens e mulheres.

Já o Mr. James March, do hotel da quinta temporada, foi baseado em H. H. Holmes, considerado o primeiro serial killer americano. Ele de fato projetou um hotel em Chicago em 1886, usando a propriedade para confundir e prender hóspedes das piores maneiras, visando matá-los. Ele confessou 27 assassinatos, mas acredita-se que tenha cometido pelo menos 250!

Deixe a sua opinião nos comentários e compartilhe o Medologia com seus amigos nas redes sociais. Assistam nossos Curtas de Terror, estão demais!

Inscreva-se em nossa Newsletter para receber os vídeos toda semana e também as notícias fresquinhas do portal.

Abaixo está o nosso Curta da semana: